Menos uma...


O mergulhão do Lago Alaotra Tachybaptus rufolavatus não era visto desde 1985, foi hoje oficialmente declarado como extinto pela ONG Birdlife Internacional durante a divulgação da atualização da Lista Vermelha de Espécies Ameaçadas para Aves.

A ave ocorria em uma pequena área no leste da ilha de Madagascar e sua população foi reduzindo drasticamente após a introdução de peixes carnívoros no lago que habitavam. Além disso o uso de redes de náilon por pescadores, que não só capturava mas afogava os animais ajudou a levar a espécie à extinção.

É mais um exemplo de que o ser humano interfere no meio ambiente sem saber as consequências que ela causa a natureza, mais um caso lamentável no ano da biodiversidade.

Jah Bless!

Nenhum comentário: