Pensar global e agir local...

A preocupação com o meio ambiente é cada vez mais frequente e perceptível nas pessoas, preocupando-se com o aquecimento global, a extinção de algum tipo de fauna, no entanto, não colocam em prática ações simples como, separar o lixo orgânico em suas casas, ou o interesse em diminuir o consumo de água e luz.

Como se os problemas ambientais que estamos enfrentando ainda não estivessem batendo em sua porta. Chuvas fortes, enchentes, terremotos, temporais, catástrofes naturais ou não estão destruindo o planeta terra.

É necessário ampliar e aprofundar a compreensão da questão ambiental. A educação ambiental é fundamental para os princípios de cada um, ao trabalhar a conscientização disponibilizando informações sobre os seres que integram o ecossistema, demonstrando a importância da preservação da água, do ar, e de tudo aquilo que compreende a vida humana as pessoas irão dar mais valor a vida.

É dever de todos nós defender o meio ambiente e pensar em um mundo mais equilibrado e sustentável, buscando a harmonia com o planeta causando o menor dano a natureza e a nossa vida. A sobrevivência de todas as espécies depende disso, portanto devemos pensar global e agir local.

Jah Bless!

Uma imagem vale por mil palavras, mil símbolos, mil sentidos...



O 1º Concurso de Foto e Vídeo Olhares sobre a Água e o Clima, promovido pelo WWF-Brasil, Agência Nacional de Águas (ANA) e o grupo HSBC, tem como objetivo primordial retratar os temas em suas mais diversas manifestações (sociais, culturais, simbólicas, econômicas, artísticas e religiosas).

A ideia é mostrar os outros sentidos e olhares sobre estes elementos da natureza, para além dos conceitos cotidianos e concretos.

As imagens poderão mostrar a água em sua relação com o clima e em diversas formas, preservadas ou degradadas, suas características, simbolismos e usos, nos mais amplos aspectos.
Pensar na relação do homem com os elementos da natureza, por intermédio de registros fotográficos e audiovisuais, é a forma que os organizadores escolheram para contribuir para a Década da Água, que vai de 2005 a 2015, estabelecida pelas Nações Unidas e acatada pelo governo brasileiro.

As insncrições estão abertas no site
http://www.olharesaguaeclima.org.br/

Participe.

Jah Bless!

Dia da terra - preserve o planeta...

Hoje 22 de abril é comemorado o dia do planeta Terra, criado há 40 anos, nos Estados Unidos, pelo senador Gaylord Nelson, o Dia da Terra não tem por objetivo firmar uma data para comemorações, e sim para se fazer alertas. Neste 22 de abril, milhões de pessoas ao redor do mundo se reunirão para protestar contra as ameaças que a própria humanidade criou à Terra. Na TV, internet, lugar de passeatas com pessoas de branco, surgem trabalhos de conscientização, com a idéia de passar para a humanidade, o quanto estamos atrasados em relação as nossas atitudes com a natureza. Fonte de vida precisamos dela para o nosso equilíbrio mental e corporal assim como todos os outros seres vivos da terra, por isso a mensagem deve chegar a todos para que fiquem cientes da importância da preservação e conservação da natureza para a nossa sobrevivência. Preserve!



Jah Bless!

Amanhã é o Dia mundial da Terra...



Para mantermos o equlíbrio do planeta é preciso consciência ambiental e sabermos a importância do planeta terra em nossa vida, a começar pelas crianças. Não se pode acabar com os recursos naturais, essenciais para a vida humana e de todos os sers vivos que aqui habitam, pois não haverá como repô-los. O pensamento deve ser global, mas a ação local, cada um fazendo sua parte para um mundo mais sustentável e equilibrado.
Pratique o verde, conheça, respeite e preserve!

Jah Bless!

Em fase de edição - 20R$ e uma mochila...

Final de semana de muita produção, no sábado que passou eu e o amigo Gustavo Benites trilhamos a Costa da Lagoa em toda sua extensão partindo do centrinho da lagoa botando em ação o projeto 20R$ e uma mochila.

Hoje começa a fase de edição e pós produção do documentário, e em breve o 20R$ e uma mochila estará no ar.

Aqui fica registrado o muito obrigado a todas as pessoas que de alguma forma contribuiram com o nosso trabalho e fizeram desse dia muito irado!

Jah Bless!

Vídeo - Florestas do futuro...



Vídeo da série Florestas do Futuro. Entrevista com o pesquisador britânico Richard Betts, do Departamento de Meteorologia do Reino Unido, a respeito dos efeitos das mudanças climáticas na floresta amazônica. O vídeo relata o pensamento do pesquisador em relação há como estará a Amazônia em 2050 caso o desmatamento e as emissões de gases do efeito estufa continuem nos níveis atuais. Essa e outras questões vitais para o futuro da maior floresta tropical do mundo são analisadas e comentadas no vídeo.

Para mais informações acesse OECO.

Jah Bless!

Fotografando a natureza - Galheta...



Praia da Galheta é uma praia agreste localizada ao leste da Ilha de Santa Catarina, É acessível somente por trilhas, de baixo grau de dificuldade, que iniciam na Praia Mole ou no canal da Barra da Lagoa, encontra-se a 15 quilômetros do Centro da Capital. O naturismo é permitido por lei municipal desde 1997, mas já era praticado há muitos anos. A praia conta ainda com boas ondas e a natureza permance intacta, um dos últimos redutos naturais do litoral catarinense que ainda não foi atingido diretamente pela ação do ser humano.

"Estava meia lua preta inclinada, cheia de prata, posicionada sobre a Praia da Galheta. Na areia alma de negros e negras pretas, com seus paus, cús, bucetas e tetas. Fantasmas galegos surfavam chapados na noite da Galheta e na pedra da bica eles trepavam com negros e negras pretas. Uma criança bruxa brinca longe do seu corpo Sinhá dos anjos, tocava sino balinês para o saci, velhos bruxos praticam yoga dentro da fogueira Sinhá dos anjos, tocava sino balinês para o saci." (Dazaranha)

Jah Bless!

Deixe as florestas em paz...


Dando sequência ao post de ontem aqui vai um email que recebi hoje abordando a mesma questão, o Desmatamento, e o código florestal brasileiro.
Mais uma vez, o Código Florestal, corpo de leis que protege as florestas brasileiras desde 1934, está ameaçado.

Assine aqui a petição para não permitir que a bancada da motosserra desfigure nosso Código Florestal.

O deputado Aldo Rebelo irá apresentar em breve um documento com as propostas de alteração dessa lei. E tudo indica que elas vão anistiar desmatadores e flexibilizar a proteção de nossas matas.

Há mais de dez anos, representantes da bancada ruralista deram partida numa ofensiva para mudar o Código Florestal em seu próprio benefício. A preservaçao das florestas é fundamental não só para a manutenção da biodiversidade, mas para equilibrar o clima no Brasil e no resto do planeta. Diante das chuvas torrenciais que provocaram deslizamentos e mortes no Rio de Janeiro, e que tendem a se tornar cada vez mais frequentes, a tarefa de resguardar o que resta de nossas matas é cada vez mais urgente.

Aldo Rebelo já deu indicações que está ao lado dos ruralistas que querem cada vez mais empurrar a agricultura e a pecuária para dentro da Amazônia e para o que sobrou de vegetação nativa em outros biomas brasileiros.

Mande um e-mail para o Aldo Rebelo dizendo que a questão é relevante demais para ser decidida apenas por meia dúzia de deputados em um ano de eleições. O assunto precisa ser debatido por todos os brasileiros e, portanto, o mínimo que se espera de nossos representantes no Congresso é que, ao invés de mexerem em legislação tão fundamental no fim de seus mandatos, tenham a coragem de levar o assunto para a campanha eleitoral.

Ajude a impedir que as nossas florestas continuem a ser devastadas.
Maiores informações: Deixe as florestas em paz.

As florestas, o solo, a água, a biodiversidade e o clima equilibrado são patrimônios e riqueza de todos os brasileiros. Preservados, eles continuarão a funcionar como insumos para a nossa agricultura, agindo em benefício tanto dos produtores rurais como de todos nós que dependemos dos alimentos que eles produzem.

Jah Bless!

Desmatamento em alta...


Após a ministra do meio ambiente, Izabella Teixeira, anunciar na semana passada uma queda de 51% no desmatamento registrado pelo Sistema de Detecção de Desmatamento em Tempo Real (DETER) nos sete primeiros meses do calendário do desmate na Amazônia (agosto a fevereiro), o Imazon divulgou os dados do Sistema de Alerta de Desmatamento (SAD) para fevereiro de 2010. E, só neste mês, segundo a organização, o desmate, em vez de cair, subiu 41%. O DETER também havia registrado, na análise mês a mês, um aumento de 29% em fevereiro, com a ressalva de que muito pouco se viu pelos satélites por causa da concentração de nuvens em 80% da região. No caso do SAD, as nuvens bloquearam 40% da área avaliada.

Foram 88 km2 desmatados na Amazônia Legal em fevereiro, de acordo com o SAD, cujo refinamento de imagens é bem maior do que o DETER. De agosto de 2009 a fevereiro de 2010, o desmate totalizou 924 km2 (aumento de 23% em relação ao período anterior). Como o DETER havia indicado, a maior parte do desmatamento observado ocorreu em Mato Grosso (75%), estado que também concentrou nada menos que 99% de toda a degradação florestal indicada pelas análises do Imazon. O Pará contabilizou 1% de área degradada nesse período.

Em relação às emissões de carbono decorrentes de decomposição e queimadas, o Imazon considerou que houve aumento de 35% se forem comparados os períodos de agosto de 2009 a fevereiro de 2010 em relação a agosto de 2008 a janeiro de 2009, quando o desmate foi de 749 km2.

fonte:
oeco

Jah Bless!

20R$ e uma mochila...

Cansado do cotidiano e da correria do dia à dia, com pouco dinheiro no bolso e muita idéia na mente? Saiba o que pode ser feito com apenas 20 reais e uma mochila...



em breve...

Jah Bless!

Fotografando a natureza - Lagarto...

Os lagartos ou sáurios (do latim científico Sauria, chamados ainda de Lacertilia) constituem uma vasta sub-ordem de répteis escamados. Se diferenciam das serpentes suas parentes próximas devido à presença de quatro patas, pálpebras nos olhos, e ouvidos externos.

Com mais de 5000 espécies conhecidas atualmente, os lagartos ocorrem em todos os continentes, exceto na Antártida e existem em diversos tamanhos, desde alguns centímetros, como alguns geckos, até 3 metros, como o dragão-de-komodo. São geralmente carnívoros, alimentando-se de insetos ou pequenos mamíferos, mas também há lagartos omnívoros ou herbívoros, como as iguanas.

O escamado da foto foi registrado em seu banho de sol no costão esquerdo da praia mole em Florianópolis, com cerca de 50cm, acredito que o réptil seja da Família Corytophanidae, porém é dificil definir pois são inúmeras espécies diferentes.

Jah Bless!

Humanidade não poderia salvar o planeta?


Mudar os hábitos para tentar salvar o planeta é "uma bobagem", na opinião de um dos mais conceituados especialistas em meio ambiente no mundo, o britânico James Lovelock, para quem a Terra, se for salva, será salva por ela mesma.

"Tentar salvar o planeta é bobagem, porque não podemos fazer isso. Se for salva, a Terra vai se salvar sozinha, que é o que sempre fez. A coisa mais sensível a se fazer é aproveitar a vida enquanto podemos", afirmou Lovelock em entrevista à BBC.

O cientista de 90 anos é autor da Teoria de Gaia, que considera o planeta como um superorganismo, no qual todas as reações químicas, físicas e biológicas estão interligadas e não podem ser analisadas separadamente.

Considerado um dos "mentores" do movimento ambientalista em todo o mundo a partir dos anos 1970, Lovelock é também autor de ideias polêmicas como a defesa do uso da energia nuclear como forma de restringir as emissões de carbono na atmosfera e combater as mudanças climáticas.

Para Lovelock, a humanidade não "decidiu aquecer o mundo deliberadamente", mas "puxou o gatilho", inadvertidamente, ao desenvolver sua civilização da maneira como conhecemos hoje. Segundo ele, no entanto, o comportamento do clima é mais imprevisível do que pensamos e não segue necessariamente os modelos de previsão formulados pelos cientistas.

Cada um pensa e age da maneira como desejar, porém a preservação do meio ambiente é muito importante sim, pode não salvar a humanidade mas com certeza cuidar da natureza vai nos dar um dia a dia muito melhor onde a harmonia com a natureza pode nos proporcionar momentos de muita paz e tranquilidade. Eu luto por ela!

fonte:
BBC Brasil

Jah Bless!

Terra...

Para repensar nossas atitudes e dar condições de uma vida muito melhor e mais tranquila para as futuras gerações, coloco hoje aqui no blog o trailer do filme da Disney, Earth. São imagens extremamente lindas em alta definição de lugares únicos e que precisam ser mantidos como estão, limpos e preservados.
Se quiser saber mais sobre o filme e os próximos lançamentos da Disney acesse o site da Disneynature.



Definitivamente não há nada mais lindo que a natureza...
Jah Bless!