O Reggae...


O reggae é um estilo de música originário da Jamaica na década de 60. Grande cantor e compositor que marcou o estilo da música rastafari internacionalmente foi Bob Marley se tornando um ícone desse estilo musical, popularizando esse gênero musical pelo mundo inteiro com canções de amor, fé e libertação.

A música de origem jamaicana não se restringe a apenas um estilo de gênero, a varios estilos de reggae entre eles o roots reggae e dancehall reggae. Uma das principais caraterística do reggae é a crítica social, geralmente cantada contra o preconceito, desigualdade, fome, tentando fazer com que o povo não fique focado apenas em coisas materiais, fazendo com que as pessoas se mobilizem contra os problemas socias que atinge nossa sociedade.

O reggae apresenta um ritmo dançante e suave, porém com uma batida bem característica. A guitarra, o contrabaixo e a bateria são os instrumentos musicais mais utilizados.

No Brasil o reggae entrou ocm mais força na regiãonorte do país, principlamente em São Luis - Maranhão, onde é comum a organização de festas e eventos ao som do reggae. Com o passar dos anos, na década de 70 muitos músicos foram influênciados pelo o reggae como Gilberto Gil, Jorge ben entre outros. Na década de 90 começa a surgir diversas bandas deste gênero musical como tribo de Jah, Cidade negra, Natiruts, Alam d´jem...

Ouça o reggae, deixe a batida dessa música entrar na sua mente e se liberte dos maus pensamentos.



"O reggae não é pra se ouvir é pra se sentir. Quem não o sente não o conhece." (Bob Marley)

Rastafarismo...


O Rastafarianismo nasceu nos anos 30, na Jamaica. As suas raízes são os pensamentos de Marcus Garvey e as palavras de Haile Selassie I. Na Jamaica, os escravos negros assistiam à realização da profecia bíblica e o regresso de Deus à Terra, como homem vivo. Era o iníco da redenção e da libertação. A Fé Rastafariana pode ser interpretada de várias formas e quase todos os Rastas têm as suas próprias idéias pessoais das coisas. RasTafari é uma forma de vida e não uma religião, com muitas ligações à fé judáica e cristã.

Os Rastas acreditam que Jah (Deus) se apresenta sobre forma humana de tempos a tempos. Marcus Garvey na década de 1920, profetizou que Jah apareceria como um Rei negro da África, esse rei sua majestade imeprial segundo os rastas foi o Imperado Selassie I, Rei dos Reis, Senhor dos Senhores. Os rastafaris lutam principalmente contra a pobreza e a desigualdade e não apenas idéias religiosas mas problemas com o mundo também. O caminho e a missão Rasta não pode parar nem ser sabatoda por ninguém. Eles foram e serão odiados pelos homens, acusados falsamente, serão objetos de escândalos e perseguidos por serem Rastafari, mas o seu destino é ser a pedra angular, as fundações.


Além de amar e respeitar a todos os outros independente da religão, cor, raça, classe social, etc. Expandindo o bem e sendo caridoso com todos que enfretarem algum tipo de difculdade.



"Marcus Garvey nos trouxe a fé de Jah, Rastafarianismo como maneira de protestar. O grande poder do Leão de Judá, mostrando um povo tão humilde e pobre que a força Rastafari é o que envolve, liberdade, paz e amor, liberdade, paz e amor! " (Banda Ponto de Equilíbrio)