Iluminar...

A qualquer hora o mundo pode confundir sua cabeça.
É preciso ter amor para enfrentar o que aconteça.
Se é pressão que impede de ter a cabeça boa.
É preciso ter coragem e aprender a voar.
Porque os donos da cidade não tem pena de ninguém.
Os donos da cidade eles só querem aparecer.
Pense e cuida do seu coração
Não se engane em tanta ilusão
Temos tantas coisas pra viver
Plantar a riqueza do nosso amor
Iluminar
É tempo de iluminar
Que é pra ver a riqueza do nosso amor
Iluminar
Que é pra ver a beleza do nosso amor
Oh meu bem, Meu amor, Não vou desistir
Se nada mudou, Se nem um amor tiver, Eu vou dizer não
Cê tava com doença que dá em burguês a toa
Cegando o sol da América do Sul
Com crise de identidade escrava da sorte
Tipo São Paulo quando quer ser Nova Iorque
Iluminar
Tempo de iluminar
Pra ver a beleza do nosso amor
Iluminar
Que é pra ver a beleza do nosso amor
Oh meu bem, Meu amor, Não vou desistir, Se nada mudou,
Se nem um amor tiver, Eu vou dizer não!
Eu vou é cantar pro sol
E vou desejar com fé
E vou enfeitar de flor
No mundo o que eu puder
Uh...

Natiruts, pioneira no reggae nacional...


Esse post vai ser dedicado a uma banda de reggae nacional que ao longo de seus 11 anos de estrada divulgou com muito amor o reggae para o Brasil, uma das pioneiras e das melhores bandas de reggae no país, falo da bnda Natirus.

No ano de 1995 num pequeno estúdio da 510 norte aconteceram mais ou menos 20 ensaios num periodo de quatro meses onde pela primeira vez músicas como Liberdade pra dentro da cabeça, Presente de um Beija-Flor, Surfista do lago paranoá foram tocadas em um formato diferente de voz e violão. Esses 20 e poucos ensaios foram feitos por Luís, Alexandre e Juninho já com o nome Nativus escolhido como o ideal para ser o nome do grupo. No final de 1995 Bruno se integrou ao trio.

Em Abril de 1996, uniram-se Kiko Peres e Izabella. Nesse mesmo mês foi gravada a fita demo intitulada Nativus. No entanto muitas pessoas, além dos seis, passaram pela banda. Pessoas que mesmo anonimas ao público foram igualmente importantes como nós que aparecemos nas fotos, nos shows e acabamos levando um crédito que com certeza não é apenas nosso.

Pessoas como André Carneiro, primeiro guitarrista da banda, Daniel Felix, nosso engenheiro de som desde o primeiro show da história da banda, Bruno Wambier, a mais de 7 anos comandando os teclados. Citamos aqui também pessoas que passaram e seguiram seus próprios caminhos como Tonho Gebara que assumiu a guitarra solo com a saída do Kiko, Luciana Simões que assumiu os Backings com a gravidez da Izabella, Raphael Mira que fez vários shows substituindo o Bruno que estava com problema nas mãos, sem contar os desiners, produtores, empresários, roadies, amigos que colocaram a alma na parada.

Ironia do Destino ou não , a única coisa que nunca mudou foi aquela formação que iniciou tudo em 1995 e que foi capaz de se transmutar ao longo desses onze anos adaptando-se a todas as mudanças sonoras e ainda assim conseguindo se manter original.
Dia 15 de juhlo a banda Natiruts entra no estúdio para gravar seu novo cd.


Quem é escravo da dor, na vida só será feliz, se disser: Tô de bem, tô de bem, Tô de bem com a vida meu amor!!!" (Natiruts)

Conexão Brasil Jamaica em Florianópolis...



A noite do dia 13 de junho no Lagoa Iate Clube na Lagoa da Conceição em Florianópolis ficou marcada no cenário do reggae da ilha, com apresentações fantásticas trazidas pelo Projeto Cultura Reggae no evento conexão Brasil Jamaica.

A festa começou com a apresentação da banda nacional Mato Seco, que mostrou já de cara um som de extrema qualidade mostrando seu trabalho independente. Na Sequênciada da noite se apresentou Pablo Moses, músico consagrado no cenário mundial que deu ainda mais ritimo a noite.
A noite no seu auge contou com a incrível apresentação de Andrew Tosh, o que para delírio da massa regueira fez todos tirarem o pé do chão e bailar ao som do verdadeiro reggae raiz jamaicano, e para encerrar a noite Don Carlos fez tremer o chão do Lic no alto da madrugada com muita energia em suas músicas de seu novo trabalho que está divulgando pela sua turnê no Brasil.


Uma Noite inesquecível para os amantes do Reggae, que ficará guardada na memória de muita gente por um longo tempo.


"Enquanto a cor da pele for mais importante que o brilho dos olhos não haverá paz". (Bob Marley)

Ras Bernardo em dose dupla...


Depois de dez anos afastado dos estúdios, Ras Bernardo lança um disco que se destaca no cenário reggae brasileiro.

Em Florianópolis mostra o CD Jah é Luz (Muzamba Música/ Independente). O novo trabalho apresenta uma sonoridade crua e pesada com arranjos minimalistas e mixagem presente. Uma linguagem ao mesmo tempo atual e tradicional, que pode ser comparada a produções européias atuais, inspiradas no som clássico do reggae e do dub jamaicano do fim dos anos 70.

A nova fase de Ras Bernardo, marcada pelo lançamento de Jah é Luz, traz de volta para a cena brasileira do reggae um pioneiro de trabalho renovado ede muito bom gosto.

Ras Bernardo se apresenta nos dias 12 e 14 de junho na ilha da magia no De Raiz na estrada geral da Joaquina, a noite contará ainda com show das banda Habitantes de Zion e Naturalidade, os ingresso estão a venda a partir de 15 R$. Muito reggae e energia positiva emanando do leste da ilha.


Muito Reggae e boa vibração na Ilha da Magia...


A segunda semana do mês de junho vai ser movida a muito reggae em Floripa, muitos shows vão embalar as noite na ilha da magia.

Ras Bernardo primeiro cantor da Banda Cidade Negra, vem a Florianópolis para divulgar seu mais novo Cd - Jah é Luz. O novo trabalho de Ras mostra uma sonoridade crua e pesada com a verdadeira essência do reggae de raiz, inspirado no reggae clássico e no dub jamaicano. O Cantor se apresenta junto com a Banda QG Imperial no De Raiz na estrada geral da praia da Joaquina nos dias 12 e 14 de julho, com certeza um show que vai abalar as estruturas em Floripa.

Já para quem curte um reggae internacional e de ótima qualidade não pode perder dia 13 de junho no Lagoa Iate Clube em Florianópolis o projeto Cultura Reggae, que apresenta a Conexão Brasil Jamaica com apresentações de nada mais nada menos que, Don Carlos, Andrew Tosh e Pablo Moses, músicos consagrados no cenário mundial do reggae. O Projeto ainda contará com a participação da Banda brasileira Mato Seco agitando a massa regueira durante a noite inteira.

Para você que curte um bom reggae e boas vibrações é são ótimas opções para um fim de semana recheado de paz e amor.

Não preciso ter ambições. Só tem uma coisa que eu quero muito: que a humanidade viva unida... negros e brancos todos juntos. (Bob Marley)

Reggae Sunsplash está de volta...


O Reggae Sunsplash, festival mais tradicional do ritmo regueiro em todo o mundo está de volta. Após oito anos sem acontecer, uma série de novidades está sendo anunciadas para a grande volta do evento que acontece em Richmond State na Jamaica.

Vão ser colocados dois palcos, que darão uma dinâmica maior ao festival, acabando com o tempo perdido nos intervalos entre uma atração e outra, agitando a massa regueira sem parar.

Serão criadas áreas para atividades que possam ser realizadas por famílias e amigos, incluindo jogos, galeria de artes, além de lojas de artesanatos e lembranças da histpória e da cultura jamaicana além de uma sessão com a história do próprio Sunsplash.

O festival será realizado do dia 3 ao dia 6 de agosto em Richmond State na Jamaica. Diversas atrações já estão confirmadas dentre elas, a banda brasileira Leões de Israel e grandes feras que movimentão o Reggae Mundial como Culture, Steel Pulse, Toots & the Maytals, Morgan Heritage, Freddie McGregor, Beenie Man, Buju Banton, Maxi Priest, UB40 e Alpha Blondy. Com certeza muito mais atrações ainda estão por vir.

Para quem curte o embalo do reggae é um ótimo evento e para que ainda não conhece o ritimo jamaicano sem dúvida irá se apaixonar.


Nesse grande futuro, não podemos esquecer do nosso passado! (Bob Marley)

O Reggae...


O reggae é um estilo de música originário da Jamaica na década de 60. Grande cantor e compositor que marcou o estilo da música rastafari internacionalmente foi Bob Marley se tornando um ícone desse estilo musical, popularizando esse gênero musical pelo mundo inteiro com canções de amor, fé e libertação.

A música de origem jamaicana não se restringe a apenas um estilo de gênero, a varios estilos de reggae entre eles o roots reggae e dancehall reggae. Uma das principais caraterística do reggae é a crítica social, geralmente cantada contra o preconceito, desigualdade, fome, tentando fazer com que o povo não fique focado apenas em coisas materiais, fazendo com que as pessoas se mobilizem contra os problemas socias que atinge nossa sociedade.

O reggae apresenta um ritmo dançante e suave, porém com uma batida bem característica. A guitarra, o contrabaixo e a bateria são os instrumentos musicais mais utilizados.

No Brasil o reggae entrou ocm mais força na regiãonorte do país, principlamente em São Luis - Maranhão, onde é comum a organização de festas e eventos ao som do reggae. Com o passar dos anos, na década de 70 muitos músicos foram influênciados pelo o reggae como Gilberto Gil, Jorge ben entre outros. Na década de 90 começa a surgir diversas bandas deste gênero musical como tribo de Jah, Cidade negra, Natiruts, Alam d´jem...

Ouça o reggae, deixe a batida dessa música entrar na sua mente e se liberte dos maus pensamentos.



"O reggae não é pra se ouvir é pra se sentir. Quem não o sente não o conhece." (Bob Marley)

Rastafarismo...


O Rastafarianismo nasceu nos anos 30, na Jamaica. As suas raízes são os pensamentos de Marcus Garvey e as palavras de Haile Selassie I. Na Jamaica, os escravos negros assistiam à realização da profecia bíblica e o regresso de Deus à Terra, como homem vivo. Era o iníco da redenção e da libertação. A Fé Rastafariana pode ser interpretada de várias formas e quase todos os Rastas têm as suas próprias idéias pessoais das coisas. RasTafari é uma forma de vida e não uma religião, com muitas ligações à fé judáica e cristã.

Os Rastas acreditam que Jah (Deus) se apresenta sobre forma humana de tempos a tempos. Marcus Garvey na década de 1920, profetizou que Jah apareceria como um Rei negro da África, esse rei sua majestade imeprial segundo os rastas foi o Imperado Selassie I, Rei dos Reis, Senhor dos Senhores. Os rastafaris lutam principalmente contra a pobreza e a desigualdade e não apenas idéias religiosas mas problemas com o mundo também. O caminho e a missão Rasta não pode parar nem ser sabatoda por ninguém. Eles foram e serão odiados pelos homens, acusados falsamente, serão objetos de escândalos e perseguidos por serem Rastafari, mas o seu destino é ser a pedra angular, as fundações.


Além de amar e respeitar a todos os outros independente da religão, cor, raça, classe social, etc. Expandindo o bem e sendo caridoso com todos que enfretarem algum tipo de difculdade.



"Marcus Garvey nos trouxe a fé de Jah, Rastafarianismo como maneira de protestar. O grande poder do Leão de Judá, mostrando um povo tão humilde e pobre que a força Rastafari é o que envolve, liberdade, paz e amor, liberdade, paz e amor! " (Banda Ponto de Equilíbrio)

Lute...

Nunca se sinta infeliz, por mais difícil que seja a situação que esteja passando. Infelicidade seria você disperdiçar uma vida linda cheia de buscas e aventuras por algo que não tem valor, não há nada no mundo que não esteja fora do nosso alcance por mais difícil que isso seja. Ao invés de deixar os problemas tomarem conta de sua vida, encare os com toda sua força. Uma pessoa pode ter diversos defeitos, mais alguma qualidade todos tem, e é nela que você tem que se abraçar, buscar forças e seguir seu caminho. A vida é tão curta para perder tempo com momentos ruins, faça com que eles se tornem experiências positivas e veja em cada um desses momentos uma chave para a sua próxima caminhada. O amor é a fonte da vida e da felicidade, ser feliz depende de você , é estar de bem com a vida, ficar em harmonia consigo mesmo e não hesitar em chutar a bola aos 45 minutos do segundo tempo, afinal o jogo só termina quando o juiz apita e enquanto tiver chances de lutar por seus objetivos lute, corra, brinque, sorria, beije, abrace, ajude, ame, seja amado, regue, semeie, e faça de sua vida uma lição para tantas outras que ainda estão por vir. É verdade, é preciso lutar! Nada vem fácil, mais se a luta for grande bem maior será a vitória!